Sitio da Camara Municipal de Lisboa

Concurso Artista MURO LX_21

ENQUADRAMENTO

Considerada como uma das mais relevantes cidades mundiais no âmbito da produção em graffiti e street art, Lisboa vai acolher a 4.ª edição do MURO Festival de Arte Urbana LX_21 de 3 a 11 de julho, uma iniciativa da Galeria de Arte Urbana da Câmara Municipal de Lisboa, desenvolvida em parceria com a Junta de Freguesia do Parque das Nações e da Gebalis.

O MURO Festival de Arte Urbana LX_21 tem lugar na freguesia do Parque das Nações, com uma área de intervenção que se estende desde a Avenida Marechal Gomes da Costa ao Parque Tejo.

Para esta 4.ª edição do MURO foi eleito como tema núcleo do evento: O MURO QUE NOS (RE)ÚNE, abordando em cada núcleo um eixo específico: Cultura urbana, Multiculturalidade e Sustentabilidade.

3 Núcleos, 3 Subtemas:
PARQUE TEJO: CULTURA URBANA
(hip-hop, graffiti, breakdance, música, desporto)

CASAL DOS MACHADOS: MULTICULTURALIDADE
(Comunidades, nações, culturas, igualdade)

AVENIDA DE PÁDUA: SUSTENTABILIDADE
(planeta, ecossistema, mar, terra, ar, 3 r's - reduzir, reutilizar e reciclar)


O MURO Festival de Arte Urbana LX_21 é um momento de reunião da comunidade da Arte Urbana, onde é enfatizado todo o vigor e frescura que a Arte Urbana tem trazido para a cidade de Lisboa.

O mote da (RE)união, salienta a importância que a comunidade representa para a implantação deste Festival, a multiculturalidade, a riqueza do espaço cidade que podemos encontrar em cada local em que intervimos, e também aquilo que simboliza este espaço da cidade, onde todas as Nações foram convidadas a participar durante a Expo 98, e que motivou a reabilitação desta freguesia, hoje referência central na cidade de Lisboa A Arte Urbana reuniu-se ao espólio existente de Arte Pública, com um conjunto alargado de intervenções nas suas diversas vertentes como o Graffiti, a Street Art, a Escultura, a Luz, o Azulejo, o Lettering.

OBJECTIVO

O presente concurso tem por objetivo eleger as 2 propostas de 2 artistas distintos (em nome individual ou coletivo) para a intervenção artistica a executar em duas empenas da freguesia do Parque das Nações.

ÁREA DE INTERVENÇÃO

As duas empenas a concurso estão inseridas no núcleo da Multiculturalidade, no Bairro do Casal dos Machados. As propostas a concurso devem ter em conta a configuração e a disposição dos vários elementos arquitetónicos que definem a área de intervenção, trabalhando-a como um todo. As duas empenas contêm pequenas janelas de casas de banho e uma area de cerca de 252 m2.

TEMA DA INTERVENÇÃO

3 Núcleos, 3 Subtemas:
PARQUE TEJO: CULTURA URBANA
(hip-hop, graffiti, breakdance, música, desporto)

CASAL DOS MACHADOS: MULTICULTURALIDADE
(Comunidades, nações, culturas, igualdade)

AVENIDA DE PÁDUA: SUSTENTABILIDADE
(planeta, ecossistema, mar, terra, ar, 3 r's - reduzir, reutilizar e reciclar)


O MURO Festival de Arte Urbana LX_21 é um momento de reunião da comunidade da Arte Urbana, onde é enfatizado todo o vigor e frescura que a Arte Urbana tem trazido para a cidade de Lisboa.

O mote da (RE)união, salienta a importância que a comunidade representa para a implantação deste Festival, a multiculturalidade, a riqueza do espaço cidade que podemos encontrar em cada local em que intervimos, e também aquilo que simboliza este espaço da cidade, onde todas as Nações foram convidadas a participar durante a Expo 98, e que motivou a reabilitação desta freguesia, hoje referência central na cidade de Lisboa A Arte Urbana reuniu-se ao espólio existente de Arte Pública, com um conjunto alargado de intervenções nas suas diversas vertentes como o Graffiti, a Street Art, a Escultura, a Luz, o Azulejo, o Lettering.

Assim, os participantes deverão inspirar-se no universo da (Re)União, de forma genérica, , e do subtema da multiculturalidade (comunidades, nações, culturas, igualdade) como ponto de partida para a criação das suas propostas de intervenção artistica.

PARTICIPAÇÃO


Podem participar neste concurso qualquer pessoa, individualmente ou em grupo, nacional ou estrangeira.

Cada concorrente pode enviar até um máximo de 3 propostas de intervenção.

No total, serão selecionados dois concorrentes (individuais ou em grupo) para a realização de cada uma das duas empenas.

Não são aceites a concurso propostas de artistas que integram a programação do MURO Festival de Arte Urbana LX_21.

 

Opens external link in new windowPodem descarregar aqui o OPEN CALL e a ficha de inscrição

PRAZOS E SUBMISSÃO DE CANDIDATURAS

As propostas devem ser enviadas para o endereço de correio eletrónico da GAU | Opens window for sending emailgau@cm-lisboa.pt | com os seguintes elementos:

▸ Ficha de Inscrição devidamente preenchida.
▸ Maqueta da proposta de intervenção (esquema desenhado da ideia a concretizar, a partir da fotografia incluída na ficha de inscrição).

Os ficheiros contendo as propostas devem ser submetidos em formato PDF e não deverão exceder um limite máximo de 3Mb.

Prazo limite para recepção de propostas – 23h59m do dia 19 de maio
▸ Reunião do Júri – 25 maio
▸ Divulgação dos resultados – 26 maio
▸ Execução do trabalho acontecerá acontecerá entre 16 de junho e 14 de julho de 2021